Brumado: Embasa não pode investir no esgotamento se não renovar concessão, afirma Sindae

17 Mai 2022 - 12:00h

A Embasa alega que possui R$ 60 milhões para serem investidos no município de Brumado. No entanto, segundo o diretor do Sindicato dos Trabalhadores em Água, Esgoto e Meio Ambiente no Estado da Bahia (Sinde), Luís Geovane Andrade, a verba só poderá ser aplicada após a renovação da concessão do Município para com a empresa, vencida desde 2017. Ao site Achei Sudoeste, Andrade explicou que, até 2033, a cidade possuirá 99% de cobertura de água e 90% de cobertura de esgoto. Em caso de a licitação aberta pela prefeitura para gestão dos serviços de água e esgoto avançar e a Embasa deixar o município, o diretor esclareceu que a empresa terá de ser ressarcida com a amortização dos valores investidos em Brumado. “O Município terá que devolver o dinheiro para a empresa. E esse dinheiro não é pouco. Na situação jurídica que está Brumado, a empresa que ganhar essa licitação terá muitas dificuldades. Entendemos que a privatização é negativa”, alertou.

Comentários

Genilson Pereira

"Enquanto isso, teremos que conviver com essas imparcialidades vindo desta empresa. Pois não tem responsabilidade em seus serviços prestados a nossa cidade. A cidade necessita de melhorias na área do saneamento básico urgente. Um exemplo escroto que muito se vê, mas a gestão pouco faz ou muda-se a estrutura, são as casas dos loteamentos. Quem já se viu ainda possuir fossas em residências? Não querem que a cidade desenvolta, que ela tenha outras visões futuras e melhorias? Pelo visto tudo isso que vemos, é nada mais nada menos que um retrocesso. Embasa e prefeitura, sejamos claros e sinceros, pois transparência não existe."



Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Achei Sudoeste. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias