Achei Sudoeste
Achei Sudoeste
embasa
Embasa comunica interrupção no fornecimento de água em localidades rurais de Brumado Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

Por problemas de energia nas instalações da Estação de Tratamento de Água da Lagoa Funda, em Brumado, a Embasa informa que o fornecimento de água está interrompido em todas as localidades rurais atendidas pela mesma. São elas: Jacaré, Barreiro, Furado dos Veados, Lagoa do Arroz, Lagoa dos Algodões, André, Curralinho, Limoeiro, Coqueiros, Fazenda Nova, Retiro, Cachoeira, Lagoa Funda, Itaquerê, Lagoas, Campo de Dentro, Pedra Preta, Itaquarai, Bernardo José, Km 18 e Correias. Assim que a equipe técnica finalizar o reparo, a Embasa poderá voltar a operar o sistema de água, com expectativa de regularização completa nas 48 horas posteriores. Até a normalização do abastecimento, a empresa recomenda que a população utilize de forma criteriosa a água armazenada nos reservatórios domiciliares, evitando usos que possam ser adiados e todas as formas de desperdício.

Embasa: Fabrício Abrantes quer Brumado no plano de investimentos em água e saneamento Foto: WhatsApp/Achei Sudoeste

A Embasa está preparando o maior plano de investimentos da história, com R$ 6,7 bilhões já assegurados para os próximos cinco anos. Com isso, aumentam as possibilidades de Brumado receber os investimentos necessários nas áreas de recursos hídricos e saneamento básico, tais como o esgotamento sanitário, a segunda etapa da Barragem de Cristalândia, o perímetro irrigado da região, a despoluição do Rio do Antônio e a expansão de rede de água para a zona rural do município. O empresário e pré-candidato a prefeito da cidade, Fabrício Abrantes (Avante), informou que se reuniu com representantes da Embasa e todos os projetos estão sendo encaminhados com boas expectativas de que as obras serão retomadas em breve em Brumado. Para ampliar o acesso à água tratada e ao esgotamento sanitário na Bahia, a empresa desembolsou cerca de R$ 1 bilhão em 2023. Presidente da estatal, Leonardo Góes salientou que os resultados impactam positivamente no desenvolvimento econômico e social da população. “A boa saúde financeira da Embasa significa a capacidade de captar ainda mais recursos, possibilitando que a companhia possa realizar o maior plano de investimentos de sua história nos próximos cinco anos”, declarou.

Vitória da Conquista é a cidade mais bem saneada do Nordeste Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

Vitória da Conquista aparece no ranking da ong Trata Brasil, divulgado nesta quarta-feira (20), como a cidade mais bem saneada do Nordeste. O ranking é elaborado anualmente a partir de dados dos 100 maiores municípios brasileiros. Desde que a Embasa ampliou o sistema de esgotamento sanitário de Conquista, há dez anos, o município vem se destacando como uma das cidades com melhores índices de saneamento do país. O atendimento total de água em Vitória da Conquista, conforme o estudo, foi de 97,18%, acima da média nacional de 94,92%. O atendimento total de esgoto, de 82,90%, também supera a média nacional de 77,81%. No combate às perdas de água na distribuição, o município continua se destacando com 26,68% de perda, enquanto o Brasil registra média de 35,04%. O percentual também fica abaixo da meta estabelecida no Contrato de Programa com o município para o ano de 2022, que foi de 30,6%. Para o presidente da Embasa, Leonardo Góes, os resultados do Trata Brasil demonstram os resultados dos investimentos nos sistemas de água e esgotamento sanitário para garantir mais qualidade de vida aos conquistenses. "Nossas equipes continuam trabalhando na operação e ampliação segura da prestação dos nossos serviços. Conquista é uma cidade que continua no planejamento de expansão de investimentos nos próximos anos". Segundo o gerente regional da Embasa, Manoel Marques, “os dados comprovam que as ferramentas e tecnologia utilizadas pela Embasa, aliado ao trabalho intenso das equipes, estão contribuindo para a eficiência no controle das perdas”, comenta o gestor.   De olho no futuro, a Embasa está trabalhando para finalizar o projeto executivo para expansão do sistema de esgotamento sanitário de Vitória da Conquista que atenderá os bairros Vila Elisa, Campinhos, Simão e parte alta do Miro Cairo. A empresa também está preparando o processo licitatório para a contratação de empresa responsável pelos estudos técnicos e elaboração do projeto para atendimento às áreas de Lagoa das Flores e Distrito Industrial. “Os estudos para levar o serviço de esgotamento sanitário à sede urbana dos distritos conquistenses também deverão ser iniciados ainda este ano, assim como os projetos para implantação do sistema de abastecimento de água em três distritos não atendidos pela Embasa”, reforça o gerente regional, Manoel Marques.

Embasa informa suspensão temporária do abastecimento em Brumado e Malhada de Pedras Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

Devido à falta de energia na captação da Barragem de Cristalândia, provocada por falha nos equipamentos da Coelba, o abastecimento está temporariamente suspenso nos municípios de Brumado e Malhada de Pedras, incluindo suas localidades rurais. De acordo com a Embasa, a Coelba foi acionada e deu prazo de atendimento até às 18h desta quarta-feira (20). Assim que a energia elétrica for retomada na região, a empresa garantiu a operação do sistema de abastecimento de água será normalizado. Como o retorno da água é sempre gradativo, pois é preciso encher novamente as tubulações e reservatórios, alguns locais podem ter o abastecimento normalizado em até 48 horas depois da retomada. Até que a situação esteja totalmente regularizada, a Embasa recomenda que a população utilize de forma criteriosa a água armazenada nos imóveis, evitando usos que possam ser adiados e todas as formas de desperdício.

Prefeito cobra agilidade da Embasa para esgotamento sanitário em bairros de Guanambi Foto: WhatsApp/Achei Sudoeste

O prefeito Arnaldo Pereira de Azevedo (Avante), o Nal, estava nesta quarta-feira (21), na sede da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) para cobrar agilidade na implantação de esgotamento sanitário em diversos bairro do município de Guanambi. O gestor que esteve acompanhado do deputado estadual Felipe Duarte (Avante) reiterou os pedidos para os bairros Floresta, Liberdade, Boa Vista, Beneval Boa Sorte e muitos outros. “Devido à alta capacidade da usina de asfalto, a prefeitura já abriu três importantes avenidas duplas e já urbanizou bairros inteiros nos últimos meses, por isso, pedimos agilidade no esgotamento dos bairros por parte da Embasa, para que a gestão possa avançar no asfaltamento nas localidades citadas e muitas outras”, afirmou Azevedo. Com asfalto CBUQ, a Prefeitura de Guanambi já urbanizou as Avenidas Etelvino Donato, ligando o trecho urbano da BR-122, passando pela futura sede do Hospital Municipal até o Bairro Renascer 2, a primeira etapa da Avenida Centenária, que liga a BA-573 na saída para Matina até o novo Cemitério Municipal, requalificou a Av. Mato Grosso do Sul, ligando a Av. José Neves Teixeira, passando pelos bairros Caiçara e Brasília e está urbanizando a Av. Almir Francisco de Morais, no Bairro Sandoval Moraes, além de urbanizar os bairros Nova Esperança, Sandoval Moraes, Renascer, Morada Nova, São Vicente e outros.

Guanambi: Barragem de Ceraíma recebe 11,2 milhões de metros cúbicos de água Foto: Léo Dias

Segundo dados oficiais disponibilizados pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) em Guanambi, antes do período das chuvas, em 22/12/2023, a Barragem de Ceraíma tinha 25,328 milhões de m³ de água. Após o período chuvoso, medição feita nesta sexta-feira (16) revelou que a cota subiu para 36,522 milhões de m³. O reservatório, que é a principal reserva para os produtores locais, teve um aumento de 11,2 milhões de m³, o que correspondente a 3,16 m de lâmina d’água. A barragem tem capacidade total de 51 milhões de m³. O secretário municipal de Agricultura, Vanderlei Florêncio, espera que a Embasa deixe de utilizar a água da barragem e siga utilizando a adutora para abastecer outras cidades. “Não podemos correr o risco novamente de ver a barragem colapsar na sua capacidade de armazenamento”, afirmou.

Deputado Felipe Duarte pede segurança hídrica para os agricultores de Guanambi Foto: WhatsApp/Achei Sudoeste

Com o objetivo de garantir segurança hídrica para os agricultores de Guanambi e região, o deputado estadual Felipe Duarte (PP) se reuniu na Embasa com o secretário de agricultura do município, Vanderlei Florêncio dos Santos, e o representante da Cooperativa de Irrigação do Perímetro Irrigado de Ceraíma, Marco Antônio Fraga. No encontro, Felipe pediu uma nova avaliação da Embasa diante da Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco (Codevasf) para identificar a possibilidade de preservar a água da Barragem de Ceraíma e utilizar apenas as barragens da adutora de São Francisco, mais conhecida como adutora do Algodão, e da Barragem do Poço Magro, que atualmente conta com 90% de capacidade. “Essa é uma preocupação de todos que trabalham e precisam da água de Ceraíma para manter o perímetro irrigado vivo”, disse o deputado. Com a constante retirada de água da Barragem de Ceraíma, o fornecimento de frutas e verduras da região pode ficar comprometido, além da possibilidade de gerar uma onda de desemprego em dezenas de famílias na região. Após a conversa, o presidente da Embasa garantiu uma nova avaliação técnica da operação no local.

Embasa se posiciona sobre morte de peixes em lago particular na cidade de Guanambi Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

Sobre a morte de peixes em um lago particular na cidade de Guanambi, na região sudoeste da Bahia, a Embasa esclareceu, em nota, que não lança esgoto bruto em rios e lagos. Todo o esgoto coletado pela empresa é direcionado ao devido tratamento. Na última sexta-feira (26), assim que tomou conhecimento da morte de peixes no local, a Embasa enviou técnicos para fazer a verificação da quantidade de oxigênio ao longo do curso do rio e no lago e coletar amostras de água para análise em laboratório. Foi constatado que o nível de oxigênio estava adequado em diversos pontos, com vegetação e peixes em condições normais. No entanto, segundo a empresa, no trecho do rio bem próximo à lagoa, observou-se baixa concentração de oxigênio dissolvido, um odor forte de produto químico e uma grande quantidade de vegetação rasteira e vegetação aquática morta. Além dessas evidências, o resultado da análise laboratorial das amostras de água coletadas no rio e na lagoa indicou que os níveis de fosfato e nitrogênio, substâncias presentes no esgoto, estão baixos, indicando, conforme enfatizando na nota, que essa não é a causa da morte dos peixes.

Brumado: Com as chuvas, Barragem de Cristalândia recupera capacidade e volta a verter Foto: WhatsApp/Achei Sudoeste

As fortes chuvas registradas durante toda a semana, principalmente na nascente do Rio das Contas, em Piatã, na Chapada Diamantina, ajudaram a recuperar o nível da Barragem de Cristalândia, que abastece os municípios de Brumado, Malhada de Pedras e algumas comunidades rurais de Tanhaçu. O último registro de o rio verter sobre a barragem ocorreu em novembro de 2022. Com o longo período de estiagem e várias ondas de calor no segundo semestre de 2023, o nível da lagoa de armazenamento desceu quase 4 metros, gerando preocupação nos consumidores dos locais assistidos. Na manhã desta segunda-feira (29), a Embasa encaminhou imagens à redação do Achei Sudoeste confirmando a recuperação do armazenamento. Até o final desta semana, ainda é esperado mais volume de água chegando ao manancial, o que também irá favorecer a descarga ecológica para suprir as comunidades ribeirinhas. A capacidade da barragem é de 17 milhões de m³.

Guanambi: Esgoto da Embasa chega até leito de rio e mata milhares de peixes em lago particular Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

Um dos maiores crimes ambientais de história recente de Guanambi, na região sudoeste da Bahia, chocou a população neste final de semana. Esgoto doméstico da Embasa que desce dos bairros Alto Caiçara e Liberdade chegou até o leito de um rio e desceu sentido a zona urbana, invadindo um lago particular, matando milhares de peixes de várias espécies e camarões. Segundo apurou o site Achei Sudoeste, a propriedade fica ao lado da BR-122, na saída para Pindaí, logo após do Bairro Santo Antônio. O que antes era um cartão postal da cidade, conhecido como casa de pedra ou castelinho, onde ciclistas e visitantes param para ver o pôr do sol, virou um cenário desolador, com cheiro forte de muita podridão, decorrente da decomposição dos peixes mortos e esgoto doméstico que invadiu o local. Com as fortes chuvas deste final de semana deu uma amenizada no cheiro forte, mas, o drama deve continuar nos próximos dias, pois o esgoto segue descendo.

Guanambi: Esgoto da Embasa chega até leito de rio e mata milhares de peixes em lago particular Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

Em contato com nossa reportagem, o proprietário do imóvel afirmou que já denunciou o crime ambiental para o Ministério Público do Meio Ambiente, Inema e entrou em contato com a direção local da Embasa, para a tomada de providências urgentes. Na tarde de sexta-feira (26), o diretor da Embasa Rogério Baqueiro, junto com técnicos do órgão recolheram amostras de água em lagoas acima da prosperidade para análise. Segundo o proprietário, novas providência legais serão tomadas ao longo dos próximos dias. “É preciso que os órgãos governamentais saibam de onde este esgoto está vindo e quem foi o responsável por este derrame de esgoto doméstico no leito do rio”, salientou.

Roubo de água deixa habitantes sem abastecimento em Livramento de Nossa Senhora Foto: WhatsApp/Achei Sudoeste

Técnicos da Embasa flagraram, no último dia 04 de janeiro deste ano, no distrito de Iguatemi, no município de Livramento de Nossa Senhora, na região sudoeste da Bahia, uma adulteração no hidrômetro de uma ligação visando furtar água para encher carro pipa. A prática criminosa foi descoberta após investigação feita pelos técnicos da Embasa visando entender porque tantas queixas de falta d’água estavam chegando nos canais de atendimento ao cliente, mesmo com o sistema que abastece a localidade funcionando normalmente e ofertando a água necessária para as necessidades dos habitantes. De acordo com o gerente regional, Manuel Mateus, um boletim de ocorrência foi registrado na delegacia de Livramento de Nossa Senhora com a entrega de vídeos e fotos evidenciando o furto de água da rede distribuidora que abastece o distrito. “A gente agora entende, por que, mesmo enviando água suficiente para suprir as necessidades dos clientes, estávamos recebendo queixas de falta d’água. Gente roubando água para vender carro pipa e deixando a população desabastecida”, declarou Manuel, em nota enviada ao site Achei Sudoeste. Os supostos autores do furto foram citados no boletim de ocorrência lavrado nesta sexta-feira (12) pelo delegado Antônio Cláudio Oliveira e, agora, serão objeto de inquérito policial para posterior início de processo criminal, como previsto em lei. O furto de água é crime tipificado no artigo 155 do Código Penal.

Esgoto a céu aberto desce pelas ruas de Rio de Contas e cai no afluente do Rio Brumado Foto: WhatsApp/Achei Sudoeste

Em um vídeo publicado nas redes sociais, um morador da cidade de Rio de Contas, na Chapada Diamantina, denunciou que o afluente do Rio Brumado está sendo contaminado por esgoto. Nas imagens, é possível ver que o esgoto transborda do sistema de esgotamento sanitário da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) e o líquido escuro desce em grande quantidade pelas ruas e cai no leito do rio. Segundo o morador, o problema persiste há mais de oito dias. Em diversos pontos da cidade, o mesmo tipo de vazamento tem sido registrado e as reclamações são constantes. Até o momento, apesar de todas as denúncias, a Embasa não fez um pronunciamento público para falar sobre o assunto.

Guilherme Bonfim anuncia expansão de rede de abastecimento de água em Brumado Foto: WhatsApp/Achei Sudoeste

A cidade de Brumado contará com mais um sistema de abastecimento de água para benefício das comunidades rurais. Ao site Achei Sudoeste, o pré-candidato a prefeito de Brumado, Guilherme Bonfim (PSB), anunciou que, após pedido feito à Embasa, o sistema será ampliado para atendimento à comunidade de Queimada Grande e Covas da Mandioca. Ao todo, mais de 60 famílias serão beneficiadas na região. Bonfim destacou que o sistema de água será viabilizado em um momento crucial de enfrentamento à seca, em que ter água potável de qualidade nas torneiras é fundamental. “A gente vem brigando e batalhando muito para que esses sistemas sejam ampliados na zona rural e, graças a Deus, temos tido esse apoio do Governo do Estado e da Embasa nessa missão, principalmente diante da seca que assola a cidade”, afirmou. O material para expansão do sistema já se encontra na região de Queimada Grande para início das obras. Guilherme adiantou que em breve novos sistemas de abastecimento de água serão anunciados para benefício de mais famílias e comunidades rurais.  

Embasa informa interrupção no abastecimento em Brumado e Malhada de Pedras Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

Devido a falhas no fornecimento de energia elétrica na Barragem de Cristalândia, o abastecimento está afetado nos municípios de Brumado e Malhada de Pedras. A Coelba ainda não informou o prazo para a normalização do fornecimento de energia, o qual, segundo a Embasa, é necessário para a retomada do abastecimento. A empresa recomenda o uso criterioso da água armazenada nos reservatórios domiciliares, evitando usos que possam ser adiados e todas as formas de desperdício.

Nível da Barragem de Cristalândia cai e preocupa consumidores em Brumado e região Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

Populares informaram ao site Achei Sudoeste que o nível da Barragem de Cristalândia, em Brumado, desceu cerca de 3.5 metros. O cenário já é de terra ressecada às margens do manancial. Um vídeo que circula nas redes sociais causou preocupação entre as populações das cidades de Brumado, Malhada de Pedras e Tanhaçu, que são abastecidas pelo reservatório. O tempo seco e as temperaturas elevadas têm contribuído para o aumento do consumo humano e a evaporação no manancial e ao longo do Rio das Contas. Nossa reportagem entrou em contato com o escritório regional da Embasa, sediado em Caetité, porém, após várias tentativas, a empresa não atendeu às chamadas. A capacidade da barragem é de 16 milhões de m³.

Em audiência na Embasa, Fabrício Abrantes trata da demanda hídrica de Brumado Foto: WhatsApp/Achei Sudoeste

Nesta segunda-feira (27), acompanhado do deputado estadual Felipe Duarte (Avante), o empresário e pré-candidato a prefeito de Brumado, Fabrício Abrantes (Avante), foi recebido pelo presidente da Embasa, Leonardo Góes, na sede da empresa, em Salvador. Na audiência, Abrantes destacou que o potencial desenvolvimento de Brumado perpassa pelas obras de esgotamento sanitário e pela segunda etapa da barragem de Cristalândia. “Mostrei ao presidente da Embasa que para Brumado ter um perímetro irrigado e melhoria no abastecimento de água na zona urbana e rural, além de aliviar o Rio do Antônio, já poluído, precisamos das obras do esgotamento sanitário e da segunda etapa da Barragem de Cristalândia. Por serem obras vultosas que irão alavancar o nosso desenvolvimento, já estamos planejando estes importantes benefícios”, explicou. Leonardo Góes também recebeu e autorizou os encaminhamentos para extensão de rede de água para atender as comunidades de Tanquinho, Mandacaru e Fazenda Santa Inês, demandas antigas dos moradores e das lideranças locais. Ele garantiu que as demandas terão todo o empenho junto à Embasa por serem obras importantes e estratégicas para o desenvolvimento de Brumado. 

Em audiência na Embasa, Fabrício Abrantes trata da demanda hídrica de Brumado Foto: WhatsApp/Achei Sudoeste

Para o deputado Felipe Duarte, a visão de futuro e o compromisso de Fabrício com Brumado sensibilizaram o presidente da concessionária e a todos os membros do Governo do Estado. “Em breve, Brumado terá um futuro muito melhor”, assegurou. Sobre a queda de braço entre o Município de Brumado e a Embasa no processo licitatório do sistema de abastecimento de água e de esgoto da cidade, Fabrício afirmou que a prefeitura tem penalizado a população, que já deixou de receber mais de R$ 140 milhões em investimentos por parte do Governo do Estado e da empresa. “Brumado lembra a terrível situação do esgoto a céu aberto que o prefeito nos submeteu. Fizemos a denúncia ao Ministério Público e conseguimos uma medida liminar determinando que a prefeitura corrigisse aquela degradante situação. Sabemos também que essa licitação está judicializada e, enquanto isso, estamos perdendo mais e mais investimentos por culpa do prefeito, que decidiu isolar Brumado. Contudo, essa realidade vai mudar e estamos construindo pontes e preparando um futuro próspero para Brumado. Agradeço ao Deputado Felipe Duarte e ao Dr. Leonardo Góes por entenderem a importância da execução de todas essas obras em um futuro próximo”, finalizou Abrantes.

Livramento: Vereador quer ações e não palavras para resolver problemas no abastecimento Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

Em Livramento de Nossa Senhora, na região sudoeste da Bahia, são muitas as reclamações com relação a irregularidades no abastecimento de água. Ao site Achei Sudoeste, o vereador Josemar Miranda Silva (PSD), o Professor Zemar, disse que, em 2019, a prefeitura assinou um contrato de concessão com a Embasa, porém o mesmo não previa a ampliação do sistema de captação e tratamento de água. Assim, embora a cidade venha crescendo de forma exponencial a cada ano, o parlamentar afirmou que a oferta de água pela Embasa é a mesma de 20 anos atrás e, por isso, são frequentes as queixas com relação ao desabastecimento em diversos bairros. A Câmara Municipal aprovou um requerimento convocando representantes da Embasa para prestar esclarecimentos sobre o problema. No entanto, segundo Miranda, o desabastecimento não vai ser resolvido com isso. “Eles vão dar explicações técnicas que não resolvem o problema. Todo mundo sabe que o sistema de captação está obsoleto. Água tem bastante, mas o problema é que captam menos do que é consumido”, afirmou. Para o vereador, a crise tende a se agravar com o aumento das temperaturas e o prefeito precisa agir para cobrar da Embasa a ampliação do sistema e, se for necessário, buscar a ajuda do Governo do Estado para normalização do abastecimento no município.   

Brumado: Consumidores do Irmã Dulce cobram da Embasa regularidade no abastecimento Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

Moradores do Bairro Irmã Dulce, em Brumado, continuam lidando com diversos problemas diante da irregularidade no serviço de abastecimento de água na localidade. Ao site Achei Sudoeste, a dona de casa Jessilda Ferreira relatou que falta água constantemente no bairro sem que a Embasa sequer comunique ou justifique a interrupção no abastecimento. Até o contato com a empresa para realização de reclamações é difícil, segundo apontou. Com necessidades diárias e essenciais, dona Jessilda tem de se deslocar para residência da sogra para buscar água. “Pego um bocado de garrafa de refrigerante de dois litros, encho e trago na sacola”, contou. Mesmo com o desabastecimento, a moradora disse que já recebeu a conta de água do mês de dezembro no valor de R$ 86. Ela reclamou que a conta costumava vir entre R$ 30 e R$ 35 e o aumento considerável se deve ao vento no hidrômetro. Os moradores estão se mobilizando para fazer um protesto tamanha a gravidade do problema.

Governo do Estado realiza diversas entregas em Lagoa Real Foto: Mateus Pereira/GOVBA

O governo do estado inaugurou diversas obras neste domingo (26), no município de Lagoa Real, na região sudoeste da Bahia. Com a presença do governador Jerônimo Rodrigues (PT), uma série de obras e ações, incluindo a ampliação da Adutora do Algodão, foram entregues. Ainda foram inauguradas a Praça do Vaqueiro, as reformas e ampliações do mercado municipal e da delegacia local e, também, 50 barracas de feira livre. A 3ª etapa da ampliação da Adutora do Algodão vai levar água tratada a 23.067 moradores dos municípios de Lagoa Real e Ibitira, em Rio do Antônio. O recurso hídrico, captado no rio São Francisco, vai percorrer 75 quilômetros até chegar à estação e ser distribuído aos consumidores. A obra teve investimento total de R$ 30,4 milhões. Foi executada pela Secretaria estadual de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (Sihs), através da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), e a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf).

Governo do Estado realiza diversas entregas em Lagoa Real Foto: Mateus Pereira/GOVBA

Acompanhado pelo prefeito Pedro Cardoso (MDB), o governador inaugurou a requalificação da delegacia que é ligada à 22ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), de Guanambi. A unidade de segurança agora conta com salas do delegado e escrivão, recepção, celas masculina e feminina, áreas de banho de sol, sala de arma e copa. O governador deu por entregue a pavimentação do trecho de 3,1 quilômetros nos acessos à BA-940 do município de Lagoa Real. A intervenção teve recurso de R$ 1,1 milhão e vai beneficiar 15 mil moradores da cidade. Também vai proporcionar impactos positivos na agricultura e pecuária, principais atividades econômicas desenvolvidas na região. Os serviços foram realizados pela Secretaria estadual de Infraestrutura (Seinfra). Em parceria com a prefeitura, a Secretaria estadual de Desenvolvimento Rural (SDR) realizou a requalificação do Mercado Municipal, na sede. Com o valor de R$ 1,1 milhão foram feitas melhorias civil, elétrica e hidrossanitária do local, bem como ampliação, com construção de banheiros e cobertura lateral. O centro comercial possui 40 boxes.

Governo do Estado realiza diversas entregas em Lagoa Real Foto: Mateus Pereira/GOVBA

A SDR, por meio da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), entregou 50 barracas de feira, padronizando e qualificando o mercado municipal. Foram investidos R$ 66 mil. Ainda em Lagoa Real, Jerônimo autorizou a SDR a celebrar convênio com o Consórcio de Desenvolvimento Sustentável Alto Sertão para implantação do Programa Promer – Limpeza e Requalificação de Aguadas em dez municípios. O valor investido nos serviços é de R$ 500 mil e vai atender 800 famílias. Na ocasião, foi inaugurada a Praça do Vaqueiro, em frente ao Colégio Estadual Luís Prisco Viana. A construção foi uma parceria entre a Secretaria estadual de Desenvolvimento Urbano (Sedur), através da Companhia de Desenvolvimento Urbano (Conder), e a gestão municipal. Os recursos foram de quase R$ 1,5 milhão. Jerônimo aproveitou a oportunidade e visitou a unidade de ensino, momento em que percorreu os corredores do colégio.

Caetité: Sem água há mais de uma semana, populares cobram providências da Embasa Foto: Eliana Santos/Achei Sudoeste

Moradores do Bairro Santa Rita, na cidade de Caetité, na região do Sertão Produtivo, estão sofrendo com o desabastecimento na região. Ao site Achei Sudoeste, a moradora Eliana Santos relatou que toda água que havia nos reservatórios acabou e a comunidade está há mais de uma semana sem o líquido nas torneiras. “Não tem água nem pra beber”, lamentou. A Embasa comunicou a interrupção no abastecimento em virtude da realização de trabalho de manutenção na rede, porém Eliana disse que a falta d'água já dura dias, prejudicando o cotidiano dos moradores, principalmente diante da onda de calor que atinge o país. “Tá um horror. Só Deus por nós mesmo. Está todo mundo sem água”, afirmou. Os moradores cobram providências da empresa para garantir o abastecimento no bairro.

Com obra concluída, Adutora do Algodão levará água para Lagoa Real e Rio do Antônio Foto: Divulgação/Codevasf

De acordo com a Embasa, nesta quinta-feira (23), foi concluída a terceira fase da Adutora do Algodão, estendendo a rede até a cidade de Lagoa Real, na região sudoeste da Bahia. As obras terminam no momento em que a Barragem de São Pedro e a Barragem do Córrego secaram por falta de chuva. O abastecimento na cidade foi mantido com a abertura de cinco poços, que não produziam água suficiente para a demanda da cidade. Ainda segundo a Embasa, após os últimos testes na adutora, a água do rio São Francisco chegará a Lagoa Real, normalizando o abastecimento no município. A água também deve chegar em breve ao Distrito de Ibirita, no município de Rio do Antônio, também no sudoeste. Nesta etapa, são 72 quilômetros de tubulações que contribuirão para o abastecimento de cerca de sete mil famílias.

Moradores de Livramento de Nossa Senhora são afetados com falta de água potável Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

A falta de água potável é uma realidade em diversos bairros da cidade Livramento de Nossa Senhora, na região do Sertão Produtivo. Moradores dos bairros Benito Gama, Estocada, Jurema, Passa Quatro, Ouro Verde, São Miguel, Barriguda e Taquari cobram providências da Embasa com relação ao desabastecimento. A falta d’água, que já dura dias em algumas localidades, tem impactado no dia a dia da população. No Bairro Santa Cruz, as crianças foram liberadas mais cedo da creche em virtude do problema. Na zona rural, os relatos também são de diversos pontos. A moradora Ana Maria criticou a renovação do contrato da prefeitura com a distribuidora. “Não importa quais bairros faltam. O que importa essa renovação dessa porcaria de contrato sabendo que a conta chega e que não tem água. Renovar o contrato é uma patifaria”, disparou. No domingo (19), a influenciadora digital Daiara Neves relatou em sua página oficial no Instagram o problema na comunidade de Tabuleiro. “A escassez é tão grande que falta água pra beber. Cadê a gestão nesse momento? As comunidades rurais estão sofrendo e vocês não estão vendo? Para onde foram os carros pipas? Já que a Embasa não resolve, o mínimo que pode ser feito é mandar água para estas pessoas que necessitam. Ou estão esperando o pior acontecer?”, cobrou.

TCM suspende licitação dos serviços de água e esgoto em Brumado Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

O Tribunal de Contas dos Municípios da Bahia (TCM-BA) deferiu incidentalmente a liminar requerida pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) em face do prefeito da cidade de Brumado, Eduardo Lima Vasconcelos (Sem Partido), e suspendeu a Concorrência Pública nº 001/2022, com sessão programada para esta sexta-feira (17), até julgamento final da denúncia de irregularidades na licitação dos serviços de água e esgoto. Segundo apurou o site Achei Sudoeste, na denúncia, a Embasa apontou que a Administração Municipal não apresentou autorização do Colegiado da Microrregião do Algodão, contrariando a Lei Complementar Estadual nº 048/2019, entre outras irregularidades. Em caso de descumprimento da decisão, o TCM poderá decretar eventual nulidade do procedimento licitatório e aplicação das penalidades previstas na Lei Complementar Estadual nº 006/1991. A presente decisão tem força de mandado.

Manutenção na Adutora do Algodão interrompe abastecimento na região de Guanambi Foto: WhatsApp/Achei Sudoeste

Uma dor de cabeça constante e insegurança hídrica que obriga moradores e comerciantes a ter um custo extra, para obter grandes reservatórios para armazenar o líquido precioso. Assim, tem sido a falta d’água, devido a recorrente manutenção da Adutora do Algodão. A Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) emitiu o terceiro comunicado de falta de abastecimento em apenas 13 dias. Os últimos comunicados de suspensão de abastecimento foram nos dias 26/10 e 31/10. No comunicado nesta terça-feira (7), o motivo seria, mais uma vez, a manutenção emergencial nas tubulações e bombas que formam a Adutora do Algodão, localizado na cidade de Malhada, que capta água do rio São Francisco, e é distribuída para os demais municípios da região. Segundo o comunicado, o abastecimento afetaria as cidades de GuanambiCandibaPalmas de Monte Alto, Iuiu e Matina, além dos distritos de Mutãs, em Guanambi, e Pajeú do Vento, em Caetité. O prazo para o serviço ser normalizado é de 48 horas. “Até a normalização do atendimento, recomendamos a utilização criteriosa da água armazenada nos reservatórios domiciliares”, diz trecho do comunicado. Em Brumado, o abastecimento também está interrompido.

Brumado: Interrupção no abastecimento de água provocado por obra da prefeitura Foto: Lay Amorim/Achei Sudoeste

Devido ao rompimento de adutora provocado por equipamento de obra da Prefeitura de Brumado, a Embasa informa que o abastecimento está temporariamente suspenso em algumas localidades de Brumado e na cidade de Malhada de Pedras. No município de Brumado, os locais afetados são: Avenida Coronel Santos, Praça Lauro Farani, Rua Dr. Otávio Perez; São Jorge, Brisas I, II, III e IV, Maria Nilza Azevedo Silva, São Felix, Cidade das Esmeraldas, Irmã Dulce (antigo Malhada Branca), Jardim de Alá, Urbis II, III e IV, Loteamento Malhada Branca, Loteamento Bom Jesus, Loteamento Umbuzeiros, Vila Presidente Vargas, Campo Seco Velho, Espinheiro, Campo Seco I e II, Barrinha, Jurema, Passagem de Pedra, Fundão, Cachoeira, Canudos, Tocassu, Lagoa Redonda, Queimada Grande, Rasta Pé, Arrecifinho, Boa Vista, Lagoa do Julião, Pebas, Frutuoso e Pompeia. O início da retomada gradativa do abastecimento está previsto para às 15h desta terça-feira (07), com expectativa de regularização completa nas 48 horas seguintes. Até a normalização do abastecimento, a Embasa recomenda que a população utilize de forma criteriosa a água armazenada nos reservatórios domiciliares, evitando usos que possam ser adiados e todas as formas de desperdício.

Arquivo