Achei Sudoeste

BUSCA PELA CATEGORIA "Saúde"

24 Mai 2019 - 17:30h

O câncer de mama é uma das neoplasias mais comuns entre as mulheres. No Brasil, o percentual de novos casos por ano chega a 29%, segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca). Por causa disso, muitas farmacêuticas têm voltado seus esforços na produção de medicamentos capaz de combater a doença. Esta semana, por exemplo, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou o Herzuma, um medicamento biossimilar do trastuzumabe, indicado para o tratamento do câncer de mama HER2+, que são tumores agressivos capazes de se desenvolver muito mais rápido em comparação com outras formas de cânceres mamários. De acordo com a Veja, o Herzuma é um anticorpo monoclonal considerado uma terapia-alvo, ou seja, tem a capacidade de bloquear a multiplicação das células cancerígenas, sem atingir as células sadias. A medicação é recomendada tanto para casos de câncer de mama em estágio inicial como para metastáticos, mesmo para as mulheres que já tenham recebido outras terapias. Além disso, o novo biossimilar pode ser utilizado em diferentes fases do tratamento: após cirurgia, quimioterapia e radioterapia ou em conjunto com esses tratamentos e outras medicações para a doença. “Essa modalidade de câncer de mama corresponde a 20% dos tumores diagnosticados. [Portanto,] a possibilidade de ampliar o acesso da paciente é fundamental para garantir um tratamento moderno, seguro e eficaz para uma doença cada vez mais presente no dia a dia das mulheres”, comentou Heraldo Marchezini, CEO da Biomm, farmacêutica brasileira que, em parceria com a sul-coreana Celltrion Healthcare (CHTC), traz a novidade para o Brasil. O próximo passo é receber a aprovação da Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos (CMED), que analisará o preço do produto antes que ele possa ser comercializado no Brasil. De acordo com Marchezini, todo esse processo deve acontecer nos próximos meses e em breve o medicamento estará disponível para comercialização, permitindo uma nova opção de tratamento para a paciente brasileira.

23 Mai 2019 - 17:30h

Vinte e cinco pessoas morreram na Bahia este ano com algum tipo de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). O dado foi divulgado nesta quinta-feira (23), pela Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) e corresponde a semana epidemiológica 21, com dados levantados até 22 de maio. Entre os 417 municípios baianos, 55 registraram casos de SRAG. O município com maior registro foi Salvador, com 297 casos, o que equivale a 63,6% do total de casos notificados no estado. A capital baiana também teve o maior número de óbitos, com 17 casos. Em toda a Bahia foram 467 casos de síndrome, 48 confirmados para Influenza, 55 por outros vírus respiratórios, 128 com amostras negativas e 236 casos estão em investigação. Conforme registrado no boletim, dos 48 casos confirmados para Influenza, 24 foram ocasionados pelo vírus Influenza A H1N1, 18 pelo vírus Influenza A H3N2 sazonal, um Influenza A não subtipado e cinco por Influenza B. Foram identificados outros vírus respiratórios dentre as amostras positivas dos casos investigados: Vírus Sincicial Respiratório (22), Parainfluenza1 (2), Parainfluenza3 (4), Adenovírus (3) e Metapneumovírus (24). De acordo com o boletim da Sesab, dos 25 óbitos, quatro foram por H1N1, três por Influenza H3N2, um por Parainfluenza I, três óbitos estão sendo investigados e em 14 óbitos não houve identificação de vírus. Os casos de síndrome respiratória por H1N1 ocorreram com maior incidência na faixa etária de 50 a 59 anos (0,4 por 100 mil hab.), e a maior letalidade foi registrada no grupo de menores de 2 anos e 2 a 4 anos. Os 467 casos notificados representam redução de 63,25% em relação aos dados do mesmo período de 2018. No ano passado, nos meses do primeiro semestre, foram notificados 1.271 casos e 116 óbitos de SRAG. Foram confirmados 306 casos e 37 óbitos por Influenza, dentre eles Influenza A H1N1 (225 casos e 27 óbitos), Influenza A H3N2 Sazonal (36 casos e 05 óbitos), Influenza A não subtipado (11 casos e 01 óbito) e Influenza B (34 casos e 04 óbitos).

23 Mai 2019 - 14:30h

Verrugas são aquelas lesões causadas por vírus. Elas podem ocorrer em qualquer lugar do corpo. Sendo as áreas mais expostas e de maior atrito, como as mãos, joelhos e cotovelos as mais propicias para o aparecimento. Nas crianças é muito comum o aparecimento de verrugas na ponta dos dedos. É preciso ressaltar que as verrugas são contagiosas, porém, apesar de assustarem, serem bastante incomodas e esteticamente desagradáveis, são consideradas lesões benignas, que ocorrem na camada superficial da pele. As lesões não são consideradas uma urgência médica, mas como toda alteração no corpo deve ser tratadas, pois podem se espalhar pelo corpo dificultando a cura. O tratamento se faz de suma importância para que as verrugas regridam de maneira mais rápida. Stephane Spínola destaca que existem casos que deve-se recorrer ao especialista com urgência, tais como: aparecimento de verrugas no rosto ou genitais; quando está aberta e parece infectada ou quando pode-se verificar bolhas. Em qualquer caso o tratamento deve ser realizado com um especialista. Não usando medidas caseiras ou comprando produtos sem a orientação de um dermatologista. Agende sua consulta. A prevenção é a melhor forma de cuidar da sua saúde! Para maiores informações, ligue: (77) 3441-4545 / (77) 99951-4755 / (77) 99180-9496 / (77) 3441-4500 / (77) 99989-6868.

22 Mai 2019 - 09:30h

Depois de nove anos de espera por uma cirurgia no Instituto de Nacional de Traumatologia e Ortopedia (Into), Carlos Augusto de Abreu e Silva, de 69 anos, morreu na segunda-feira (20) sem conseguir uma nova prótese de quadril. A espera pela cirurgia começou em 2010, quando ele entrou na fila para conseguir uma revisão da prótese que havia colocado na região do quadril após se acidentar no ano de 2005. Naquela época, Carlos entrou na fila com o número 182. Enquanto esperava pela revisão, ele se machucou novamente e deslocou a prótese, tendo uma retração do osso do quadril, o que dificultava a locomoção. Os médicos informaram que, mesmo naquela condição, Carlos Augusto deveria aguardar na mesma fila de espera. Em 2018, já com uma infecção, Carlos ainda aguardava, com a prótese deslocada, pela revisão e nova cirurgia. O número que ele ocupava na fila era o 46. Depois de quase uma década esperando para ser atendido, a infecção de Carlos piorou. Ele foi internado no Hospital Rocha Faria, na Zona Oeste da cidade, teve pneumonia e morreu na segunda-feira (20), ocupando a 40ª posição na fila do Into. “Ele sempre lutou por ele e pelas 12 mil pessoas que estavam na fila. Há 11 meses, ele falou que ele pedia misericórdia. Então, ontem, o Estado não teve misericórdia, o governo ao teve misericórdia, mas Deus teve misericórdia porque ele descansou. Hoje, eu sinto uma sensação maior de impunidade. De que, mais uma vez, o descaso, e a negligência venceram”, desabafou a filha de Carlos Alberto. O pedido de ajuda relatado pela filha é mostrado em um dos últimos vídeos gravados pelo paciente antes de falecer.

21 Mai 2019 - 10:30h

Os cuidados com as crianças irão refletir na sua vida adulta, portanto, a visita ao pediatra é a melhor forma de prevenção. O pediatra é o médico mais capacitado e qualificado para entender toda a complexidade e as nuances que envolvem as fases da vida de um indivíduo do nascimento até os 19 anos de idade. Thomás Caíres, especialista que atende na Clínica Mais Vida salienta que a orientação pediátrica é importante para cuidar da saúde em todos os seus aspectos: alimentação, comportamento, doenças e, principalmente, prevenção. Desta forma, as consultas são importantes para identificar quais os riscos que a criança poderá ter e tratar eventuais problemas desde cedo. É importante que os pais desenvolvam um vínculo com o especialista, pois juntos irão se dedicar a cuidar da saúde do seu bem mais precioso. Agende sua consulta. A prevenção é a melhor forma de cuidar da sua saúde! Para maiores informações, ligue: (77) 3441-4545 / (77) 99951-4755 / (77) 99180-9496 / (77) 3441-4500 / (77) 99989-6868.

21 Mai 2019 - 07:30h

O cantor Agnaldo Timóteo, de 82 anos, foi internado na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Barreiras, cidade no oeste da Bahia, na tarde desta segunda-feira (20), após ter um mal-estar. A informação foi confirmada ao G1 pela assessoria do artista. Agnaldo foi levado para a UPA pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Segundo a unidade médica, o cantor deu entrada por volta das 16h, com quadro de pressão alta, vômito e glicemia baixa. Até por volta das 17h20, ele permanecia internado. O artista está na Bahia para cumprimento de agenda. Agnaldo teve um show às 23h na cidade de Santa Rita de Cássia, no oeste baiano, onde está hospedado. O cantor é uma das atrações da festa em homenagem à padroeira da cidade.

19 Mai 2019 - 08:05h

Com o objetivo de facilitar a marcação de consultas, a Clínica Mais Vida criou um quadro com as datas de atendimento dos especialistas e procedimentos. A clínica funciona de segunda a sábado. Confira o quadro acima e marque a sua consulta através dos telefones (77) 3441-4545 / (77) 99951-4755 / (77) 99180-9496 / (77) 3441-4500 / (77) 99989-6868. A nossa matriz está localizada na Avenida Otávio Mangabeira, 265, e nossa filial na Rua Coronel Paulino Chaves, 160.

19 Mai 2019 - 08:01h

Uma cientista brasileira desenvolveu um pequeno equipamento, semelhante a uma caneta, capaz de detectar células tumorais em poucos segundos. Livia Schiavinato Eberlin explicou que a MacSpec Pen, como foi nomeada, tem como principal objetivo certificar, durante uma cirurgia oncológica, que todo o tecido tumoral foi removido do corpo do paciente. A ‘caneta’ é um avanço muito importante para a comunidade médica, especialmente na área da oncologia, pois deve revolucionar a forma de localizar uma lesão cancerosa no tecido saudável. “Muitas vezes o tecido é retirado e analisado por um patologista ainda durante a cirurgia para confirmar se todo o tumor está sendo retirado, mas esse processo leva de 30 a 40 minutos e, enquanto isso, o paciente fica lá, exposto à anestesia e a outros riscos cirúrgicos”, explicou Livia, que é chefe de pesquisa na Universidade do Texas, nos Estados Unidos, onde mora. O equipamento usa uma técnica de análise química para dar essa mesma resposta que um patologista daria. “A caneta tem um reservatório preenchido com água. Quando a ponta dela toca o tecido, capta moléculas que se dissolvem em água e são transportadas para um espectrômetro de massa, equipamento que caracteriza a amostra como cancerosa ou não”, disse a cientista.  Essa caracterização da amostra pode ser feita porque a tecnologia usa, além dos equipamentos de análise química, técnicas de inteligência artificial para que a máquina “responda” se as células são tumorais. Para chegar a este resultado, foram usadas, na criação do modelo, centenas de amostras de tecidos cancerosos que, por meio de suas características, “ensinam” a máquina a identificar tecido tumoral. “Na primeira fase da pesquisa analisamos mais de 200 amostras de tecido humano e verificamos uma precisão de identificação do câncer de 97%”, contou Livia, que está no Brasil para apresentar os resultados iniciais de sua pesquisa no congresso Next Frontiers to Cure Cancer, promovido anualmente pelo A.C. Camargo Cancer Center.

17 Mai 2019 - 14:30h

Muitas pessoas acreditam que o café da manhã é a refeição mais importante do dia. Segundo novo estudo, essa afirmação pode de fato estar correta. Isso porque pesquisadores descobriram que indivíduos que não se alimentam pela manhã apresentam risco 87% maior de morte relacionada a doenças cardiovasculares, especialmente acidente vascular cerebral (AVC). A justificativa: pular o café da manhã está associado a mudanças no apetite, o que diminui a saciedade e desencadeia o hábito de comer em excesso que, por sua vez, leva ao ganho de peso. Além disso, a falta da refeição eleva o risco de síndrome metabólica (ligada a doenças cardiovasculares), obesidade, colesterol alto, diabetes tipo 2 e hipertensão. “O café da manhã é tradicionalmente considerado a refeição mais importante ou uma das mais relevantes do dia. Nossas descobertas mostraram consistentemente que pular esta refeição está relacionado a fortes fatores de risco para morte cardiovascular”, comentou Wei Bao, principal autor da pesquisa, à CNN. A pesquisa, publicada recentemente no periódico Journal of American College of Cardiology, ainda definiu que não fazer a primeira refeição do dia é um marcador comportamental que indica hábitos de vida pouco saudáveis. De acordo com a equipe, este é o primeiro estudo a avaliar o impacto do café da manhã no risco de morte por doenças cardiovasculares. Apesar disso, os cientistas esclareceram que os resultados representam apenas uma associação e não a causa dos riscos apresentados. Ou seja, mais pesquisas serão necessárias para determinar se a falta dessa refeição pode realmente reduzir a expectativa de vida e o motivo para que isso aconteça.

17 Mai 2019 - 10:30h

Vocês sabiam que toda mulher que apresentar queixas relativas às mamas, independentemente da idade, deve procurar o mastologista? Pois bem, a orientação é feita pelos especialistas da área, que destacam a importância e a necessidade das mulheres se consultarem regularmente com o mastologista, além do autoexame, que também deve ser feito uma vez por mês a partir dos vinte anos. Para as mulheres que não apresentam queixas a orientação é para que a partir dos 40 anos de idade realizem a consulta. A prevenção e o diagnóstico precoce são fundamentais no alcance da cura do câncer de mama e na manutenção da saúde da mulher. Desta forma para aquelas que têm história familiar de câncer de mama antes dos 50 anos de idade devem procurar o mastologista 10 anos antes da idade que o parente apresentou o câncer.  O mastologista está apto a identificar doenças e demais manifestações anormais nas mamas, pois sua especialidade compreende os mais diferentes cuidados relativos às glândulas mamarias. A principal doença tratada por esse especialista é o câncer de mama, mas a identificação de caroços, avaliação para a realização de cirurgias relacionadas às mamas, realização de biópsias, também são de sua competência. Mulheres, não lembrem do mastologista somente por questões estéticas, ele é fundamental para que a sua saúde e bem-estar. Agende sua consulta. A prevenção é a melhor forma de cuidar da sua saúde! Para maiores informações, ligue: (77) 3441-4545 / (77) 99951-4755 / (77) 99180-9496 / (77) 3441-4500 / (77) 99989-6868.

16 Mai 2019 - 16:30h

Nesta terça-feira, 14, a Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgou novas diretrizes a respeito de como reduzir os riscos de desenvolver declínio cognitivo – condição que pode levar à demência. O relatório, baseado em décadas de pesquisas, revelou que sedentarismo, consumo excessivo de álcool, tabagismo e dieta desequilibrada estão entre os hábitos que aumentam significativamente os riscos de Alzheimer – doença neurodegenerativa que pertence ao espectro da demência. Condições médicas como diabetes, hipertensão, obesidade e colesterol alto também desempenham papel no desenvolvimento do declínio cognitivo na vida adulta. “Enquanto algumas pessoas são desafortunadas e herdam uma combinação de genes que torna altamente provável que desenvolvam demência, muitas pessoas têm a oportunidade de reduzir substancialmente seus riscos vivendo um estilo de vida saudável”, disse Tara Spiers-Jones, do Instituto de Pesquisas em Demência do Reino Unido, à CNN.  A nova diretriz recomenda a prática de pelo menos 150 minutos de exercício moderado por semana, além de atividades de fortalecimento muscular. A entidade ainda incluiu nas orientações uma alimentação balanceada, com ingestão de 400 gramas de frutas e vegetais diariamente e redução do consumo de açúcar em 10% e o de gordura em 30%. Outra orientação é participar de atividades que estimulem o cérebro, como aprender um novo idioma, e evitar o isolamento social. O relatório ainda aconselha evitar suplementos alimentares, como vitaminas do complexo B, antioxidantes, ômega-3 e ginkgo biloba, já que não existem evidências suficientes de que elas trazem benefícios de longo prazo.

16 Mai 2019 - 08:30h

O termo gengivite refere-se à inflamação limitada aos tecidos moles que circundam o dente. A maioria dos casos ocorrem devido à falta de higiene bucal adequada, favorecendo o acúmulo de placa dental e cálculo (tártaro), porém, muitos outros fatores podem influenciar a vulnerabilidade da gengiva. Os sinais clínicos da gengivite, geralmente, são: vermelhidão do tecido gengival, bem como alterações no seu contorno, sangramento a um estímulo e presença de cálculo ou placa bacteriana sem evidências radiográficas de perca óssea. Entretanto, se a gengivite não for tratada, ela pode evoluir para uma periodontite e causar danos permanentes aos dentes. Sendo assim, destaca-se a importância da avaliação com um cirurgião-dentista para maiores esclarecimentos. 

14 Mai 2019 - 14:30h

Já é sabido que alguns hábitos do dia a dia aumentam o risco de desenvolver diversas doenças, incluindo a osteoporose – condição que deixa os ossos fracos e quebradiços. Entre os hábitos que podem tornar o indivíduo mais propenso a desenvolver esse problema ósseo estão o tabagismo e o alcoolismo. Apesar disso, pouco se sabe a respeito dos mecanismos envolvidos nesse enfraquecimento. Recentemente, pesquisadores americanos descobriram um mecanismo celular capaz de explicar porque esses hábitos interferem na saúde dos ossos. De acordo com o estudo publicado no FASEB Journal, o consumo de álcool e cigarro pode ativar uma célula do sistema imunológico, levando-a a se transformar em outra modalidade de célula cuja função é reabsorver os ossos. Esse processo é desencadeado quando a mitocôndria, parte da célula responsável pela respiração celular, fica sob stress – o que, segundo a equipe, é o que provavelmente acontece no organismo ao fumar e beber.

14 Mai 2019 - 07:30h

A dieta cetogênica propõe reduzir a quantidade de carboidratos consumidos e aumentar consideravelmente o consumo de gorduras e elevar um pouco a ingestão de proteínas. Estas mudanças são realizadas com o objetivo de perda de peso, isto porque os carboidratos são a principal fonte de energia do organismo, já que por meio deles é obtida a glicose, quando isto é realizado o corpo precisa retirar a energia de outras fontes, a segunda opção é a reserva de gordura que o nosso corpo possui, quando esta reserva de gordura é queimada consequentemente a pessoa emagrece. No entanto, o problema é que essa queima de gordura também leva a liberação de substâncias chamadas de corpos cetônicos, que em excessos causam enjoos e náuseas. Como funciona?

A dieta cetogênica costuma ser composta por 10 a 15% de carboidratos, 50% de gorduras e 30% de proteínas. Mas devemos levar em consideração a qualidade desses macronutrientes presentes na alimentação. Alguns estudos feitos acreditam em sua eficácia com o tratamento do câncer, isso acontece devido ao fato de que enquanto células normais conseguem entrar em Cetose ou seja, usar ácidos graxos no lugar da glicose como fonte de energia, enquanto não há o consumo de carboidratos as células cancerígenas são incapazes de fazer o mesmo. Porém, por mais que o corpo não esteja ingerindo glicose via alimentação, ainda há produção de glicose pelas células e aparentemente as células cancerígenas conseguem viver e se reproduzir nessas condições. Por isso não há uma comprovação se esse tipo de dieta colabora para quem sofre com o câncer, e mais estudos maiores precisam ser conduzidos para se chegar em uma conclusão sobre o tema. Existem as vantagens e desvantagens em relação a dieta cetogênica. Vantagens: Emagrecimento rápido: a única vantagem da dieta cetogênica é que ela proporciona a perda de peso rápida. Isto porque ao reduzir drasticamente o consumo de carboidratos o corpo fica sem sua principal fonte de energia. Então, o organismo irá utilizar o glicogênio, pequena reserva de energia que fica no músculo e fígado. E isto leva consequentemente a perda de peso mais rápida. Desvantagens: Fadiga e dores de cabeça, dificuldade de concentração, afeta o humor, pode causar hipoglicemia, pode causar perda de músculos, e pode aumentar os níveis de colesterol. Porém nem todas as pessoas podem optar por esse tipo de dieta, precisa-se de uma avaliação individual e nutricional do indivíduo para melhor orientação, procure seu nutricionista para melhores informações e recomendações. Agende sua consulta. A prevenção é a melhor forma de cuidar da sua saúde! Para maiores informações, ligue: (77) 3441-4545 / (77) 99951-4755 / (77) 99180-9496 / (77) 3441-4500 / (77) 99989-6868.

CONTINUE LENDO

12 Mai 2019 - 09:00h

Com o objetivo de facilitar a marcação de consultas, a Clínica Mais Vida criou um quadro com as datas de atendimento dos especialistas e procedimentos. A clínica funciona de segunda a sábado. Confira o quadro acima e marque a sua consulta através dos telefones (77) 3441-4545 / (77) 99951-4755 / (77) 99180-9496 / (77) 3441-4500 / (77) 99989-6868. A nossa matriz está localizada na Avenida Otávio Mangabeira, 265, e nossa filial na Rua Coronel Paulino Chaves, 160.

10 Mai 2019 - 17:30h

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decretou o recolhimento de cerca de 200 lotes de medicamentos para hipertensão arterial (pressão alta) em todo o país. A medida foi adotada após detecção de impurezas no princípio ativo (sartanas) utilizado na fabricação de remédios como losartana e valsartana. Segundo a entidade, essas impurezas foram classificadas como potenciais carcinogênicos para seres humanos, ou seja, a exposição em longo prazo eleva o risco de desenvolver câncer. A lista de medicamentos e lotes recolhidos pode ser encontrada no site da Anvisa. A agência ainda informou que o recolhimento atinge lotes específicos e é uma estratégia adotada em vários países para os mesmos produtos. No Brasil, foram determinadas 14 suspensões de três insumos (losartana, valsartana e irbesartana) de dez fabricantes internacionais. Para aquelas que o recolhimento foi anunciado, também ficam suspensos a fabricação, importação, distribuição e uso dos insumos farmacêuticos ativos com suspeita de contaminação. A Anvisa ainda estabeleceu a fiscalização de todas as empresas fabricantes de medicamentos contendo ‘sartanas’ disponíveis no mercado brasileiro. Até agora, foram verificadas 29 farmacêuticas e 111 medicamentos comercializados em 2018, com cerca de 200 lotes recolhidos. Entre as companhias com lotes suspensos estão a EMS e a Medley.“É importante notar que essa é uma ação conjunta, que envolve esforços da Anvisa e de todos os fabricantes dos medicamentos, que estão ajudando a detectar quais são os lotes afetados pelo problema e voluntariamente recolhendo os produtos do mercado”, esclareceu Ronaldo Gomes, da área de Inspeção e Fiscalização Sanitária (GGFIS) da Anvisa, em nota.

10 Mai 2019 - 14:30h

Em nenhum outro momento da história se falou tanto de nutrição, emagrecimento, dieta e alimentação como nos dias de hoje. Devido ao fácil acesso às informações pelos meios de comunicação, as pessoas buscam métodos inadequados para ter o corpo que desejam através de dicas de dietas restritivas, sem orientação personalizada e com o foco em emagrecimento rápido. Mas será que existe, e é até mesmo seguro, seguir uma” fórmula mágica”?

A partir deste questionamento deve-se pensar melhor sobre as consequências dessas práticas que são incentivadas e realizadas sem o acompanhamento de um profissional adequado, que na maioria das vezes espalham por aí que existem alguns determinados alimentos tidos como milagrosos, quase mágicos, emagrecedores. O que de fato não existem. As dietas, “regimes”, desafios não individualizados, não propõem reeducação alimentar, gerando emagrecimento a curto prazo, comprometendo a saúde e causando o temido efeito sanfona. É muito comum quando o indivíduo opta por uma dieta extremamente restritiva colocando seu organismo em uma zona de risco, ou seja, podendo comprometer a sua saúde em vez de fazer a reeducação alimentar com acompanhamento do nutricionista. Algumas complicações como: deficiências de vitaminas e minerais importantes, disfunção hormonal, queda de cabelo, desenvolvimento de compulsão alimentar e outros transtornos alimentares (bulimia e anorexia), mau humor, falta de concentração, cansaço, apatia, depressão, transtornos de ansiedade e voltam a engordar em pouco tempo, pesando até mais do que antes de fazer a dieta. Essas dietas sugeridas nas redes sociais, apesar de aparentarem ser eficazes a curto prazo, não são nem de longe as melhores alternativas, pois não promovem uma real mudança no padrão de vida. E por que não funcionam? Nosso organismo ao passar por uma grande privação, ativa mecanismos de defesa e depois de um certo tempo tende-se a interromper o emagrecimento, causando também diversos desequilíbrios hormonais e outras carências nutricionais. Além disso, é muito difícil alguém se adaptar a viver uma vida de severas restrições, privações. É preciso ter em mente que se o seu objetivo é o emagrecimento, este deve ter o foco principal em saúde e deve ser acompanhado por um Nutricionista, que fará avaliações e indicará estratégias individualizadas, através da reeducação alimentar que tem como base uma alimentação equilibrada. Maiana Luz Chaves - nutricionista clínica e esportiva com ênfase em fisiologia do exercício. Agende sua consulta. A prevenção é a melhor forma de cuidar da sua saúde! Para maiores informações, ligue: (77) 3441-4545 / (77) 99951-4755 / (77) 99180-9496 / (77) 3441-4500 / (77) 99989-6868.

CONTINUE LENDO

08 Mai 2019 - 15:30h

A Agência dos Estados Unidos para Alimentos e Medicamentos (FDA) aprovou com restrições o uso no país da primeira vacina contra a dengue, no último dia 1. A Dengvaxia, do laboratório francês Sanofi Pasteur, deverá ser aplicada somente para pessoas com idade de 9 a 16 anos residentes em áreas onde a doença é epidêmica e que já tenham sido antes infectadas. Segundo o jornal The New York Times, a decisão do FDA foi tomada depois de o laboratório Sanofi ter admitido que a vacina pode provocar a forma mais grave de dengue se for aplicada em pessoas que nunca foram contaminadas pela doença. Em nota, a agência informou que os efeitos adversos da vacina são: dor de cabeça, dores nas juntas, fadiga, dor no local da injeção e febre baixa. A frequência desses efeitos foi similar à das pessoas que receberam placebo, durante os testes. A vacina é vendida em outros países, inclusive o Brasil, desde 2015. Dois anos depois, as Filipinas cancelaram a licença do laboratório para vender o produto depois de ter vacinado seus 830.000 estudantes do ensino fundamental. Os mesmos efeitos que o FDA quer evitar, com as restrições impostas, foram constatados no país asiático. No Brasil, em 2017, o laboratório Sanofi Pasteur pediu à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a atualização das informações sobre as restrições à aplicação da vacina. Também propôs alterações na bula do medicamento. Segundo a empresa, para a população indicada, de mais de nove anos de idade e que vive em áreas endêmicas, a vacina preveniu 93% dos casos severos e reduziu 80% das internações hospitalares durante os 25 meses de estudos em 10 países.

07 Mai 2019 - 14:30h

Na atualidade o ritmo acelerado dos acontecimentos, a pressão excessiva no ambiente de trabalho e a preocupação em cumprir com todas as responsabilidades, têm causado nas pessoas um alto nível de estresse, ansiedade e situações nas quais se faz necessária a ajuda de pessoas especializadas a fim de evitar reações que possam resultar em atitudes às vezes com resultados irreversíveis. Porém, acompanhado de todos esses fatores e da difícil aceitação da necessidade de auxilio, as pessoas ainda enfrentam o preconceito da sociedade em relação às doenças mentais, tornando ainda mais complexa a situação. É de extrema necessidade que o tabu e o preconceito relativos às doenças mentais sejam abolidos, demonstrando que os transtornos podem ocorrer sem distinção de classe social, idade, orientações sexuais ou identidades de gênero. Camila Alvarenga, psicóloga da Clínica Mais Vida destaca que a saúde mental deve ser uma parte integrante e essencial da saúde, sendo de vital importância se investir em ações voltadas a manutenção do bem-estar mental. Saber reconhecer os sinais de alerta em si mesmo ou em alguém próximo a você pode ser o primeiro e mais importante passo. Por isso, fique atento(a).  Se a pessoa demonstrar comportamento diferente procure ajudá-la. Agende sua consulta. A prevenção é a melhor forma de cuidar da sua saúde! Para maiores informações, ligue: (77) 3441-4545 / (77) 99951-4755 / (77) 99180-9496 / (77) 3441-4500 / (77) 99989-6868.

05 Mai 2019 - 10:00h

Com o objetivo de facilitar a marcação de consultas, a Clínica Mais Vida criou um quadro com as datas de atendimento dos especialistas e procedimentos. A clínica funciona de segunda a sábado. Confira o quadro acima e marque a sua consulta através dos telefones (77) 3441-4545 / (77) 99951-4755 / (77) 99180-9496 / (77) 3441-4500 / (77) 99989-6868. A nossa matriz está localizada na Avenida Otávio Mangabeira, 265, e nossa filial na Rua Coronel Paulino Chaves, 160.