Professores de Tanhaçu realizam panelaço virtual para receber precatórios do Fundef

04 Ago 2020 - 12:00h

Os professores da rede pública do município de Tanhaçu, a 74 km de Brumado, voltaram a se mobilizar pelo direito constitucional de receber os 60% do precatório do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef), visto que o prefeito deu destino diferente ao recurso. Para os docentes, a medida causará sérios problemas para os futuros gestores, visto que se trata de direito adquirido pelos professores. Para evitar aglomerações, a categoria tem utilizado as redes sociais para reivindicar seus direitos, inclusive com a realização de panelaço virtual. “Tirar do trabalhador, nesse caso o professor, categoria tão importante para a sociedade, um direito o líquido e certo, seria, no mínimo, imoral e antiético, se não fosse injusto e desonesto. Os professores de Tanhaçu não vão aceitar. Eles só querem o que lhes pertence de direito”, disseram ao site Achei Sudoeste.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias