Brumado: Concursados cobram vagas e dizem que prefeitura não respeita o TAC

31 Ago 2013 - 19:09h

Mesmo depois da publicação de uma nota emitida pelo Ministério Público obrigando a Prefeitura Municipal de Brumado a demitir os funcionários contratados temporariamente, a fim de cumprir Termo de Ajuste de Conduta (TAC), alguns concursados ainda se sentem inseguros, tendo em vista que o prazo final de validade do último concurso público municipal está próximo. “Todo mundo está trabalhando até hoje nos nossos lugares”, queixaram-se alguns dos aprovados ao site Brumado Notícias. Os concursados disseram que denunciaram o descumprimento do TAC ao Ministério Público e o órgão já requereu da Prefeitura a exoneração dos funcionários. “Já foi feito um Reda [Processo Seletivo Simplificado] e os aprovados foram convocados, mas nós concursados não. Eles dizem que são pessoas para trabalhar na Secretaria de Saúde, mas em todas as outras áreas faltam funcionários e não nos chamam para suprir essa necessidade”, afirmaram os aprovados. Indignados, eles garantiram que irão buscar em todas as instâncias o cumprimento do TAC. “Por que não chamam os concursados? Isso é um absurdo. Nós pagamos inscrição, estudamos, fomos aprovados e queremos trabalhar. Estamos buscando os nossos direitos e não vamos parar”, reforçaram. Os entrevistados falaram ainda que vão levar uma cópia do TAC para apresentar aos vereadores durante a próxima sessão da Câmara, com o intuito de cobrar do Poder Executivo o cumprimento do termo.

Comentários

Cátia

"O concurso público foi realizado em 2011!!! Dou total apoio aos concursados lutarem pelos seus direitos."

Marta

"Os secretários municipais já estão dando um jeitinho de nomear os contratados. Desse modo é impossível eles serem dispensados. Os concursados não tem vez nessa administração municipal."

Deixar comentário

Comentário

mais notícias