Investigações são intensificadas para elucidar duplo homicídio em Brumado

06 Abr 2017 - 15:00h

O crime bárbaro registrado na última quarta-feira (05), na comunidade da Penha, zona rural de Brumado, ganhou atenção redobrada da Polícia Civil. Na localidade, pai e filho foram brutalmente assassinados, tendo os corpos cortados, perfurados e queimados dentro da residência onde moravam. O filho do idoso foi degolado. O delegado coordenador da 20ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), Leonardo Rabelo, disse em entrevista ao site Brumado Notícias que delegados e investigadores estão empenhados nas investigações e, em breve, o caso será elucidado e os autores do crime serão identificados. O duplo homicídio foi o quarto registrado na cidade. Outro caso bárbaro que terminou com a vítima queimada é o do menino Kauã Souza, de 10 anos, que foi encontrado morto no final de dezembro de 2016, em um matagal próximo à Subestação I da Coelba. As investigações estão em andamento e a polícia diz que não há nenhuma ligação entre os dois casos.

Comentários

Webiston Barbosa Reis

"Como sempre vem ocorrendo, a POLÍCIA deu uma resposta imediata à sociedade, colocando atrás das grades um dos participantes de um dos crimes mais brutais já vivenciados em Brumado. Espero que não demore a encontrar o restante do grupo. Apesar da GRAVIDADE do caso, pouco se comentou nas DITAS "Redes Sociais". Hoje é chique dizer que algo foi ou deixou de ser comentado nas tais redes sociais.... Não sei a respeito das condições financeiras e nem intelectuais das vítimas, talvez por essas condições e pelo fato de NÃO terem sido em vida conhecidos da tal sociedade, as pessoas não deram lá essa importância ao caso. É difícil de aceitar também o fato que de agora em diante teremos "novos hóspedes na cadeia" e futuramente nos presídios da vida a serem por nós sustentados e com direito a reclamarem da qualidade das refeições servidas. Enquanto isso, sob tetos de gesso bem iluminados e no frescor dos ar condicionados estão os engravatados lá em Brasília, ou seja, os SENADORES e DEPUTADOS FEDERAIS que seriam por teoria os responsáveis por endurecer e fazer valer as leis em nosso País. Só que seria duro, não seria? Legislar contra si próprios...Pois é de lá que partem os grandes erros e que acabam refletindo em toda a sociedade. Para encerrar, infelizmente a família das vítimas ficará traumatizada pelo resto da vida."

Deixar comentário

Comentário

mais notícias