Justiça nega pedido da APLB para suspender aulas em Brumado

30 Mai 2018 - 13:01h

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB) ingressou com um mandado de segurança, com pedido de liminar, na justiça de Brumado, para poder suspender as atividades letivas na quinta-feira (31) e sexta-feira (01), por conta do feriado de Corpus Christi, na rede municipal de ensino. Segundo apurou o site Achei Sudoeste, a ação foi contra o Município de Brumado e a Secretaria de Educação (SEMEC), bem como a secretária Ednéia dos Santos Ataíde. Nesta quarta-feira (30), o juiz Genivaldo Alves Guimarães, negou o pedido de liminar e manteve o calendário divulgado pela Semec.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias