Criação de curso de Pedagogia em Brumado é suspensa pela Justiça

17 Ago 2018 - 10:00h

A implantação do curso de Pedagogia em Brumado foi suspensa por determinação do Juiz de Direito Eduardo das Neves Brito, titular da Vara da Fazenda Pública, em Caetité. A ação popular foi impetrada pela advogada Magda David, que tem banca advocatícia em Caetité e é graduada em Pedagogia pela Universidade do Estado da Bahia (Uneb), campus de Guanambi. Segundo ela, a criação do curso se deu somente por vontade do Reitor, quando o Estatuto e o Regimento Geral da Uneb dispõem que essa atribuição é do Conselho Universitário (Consu), composto não só pelo Reitor, mas também pelo Vice-Reitor, Pró-Reitores, Diretores de Departamentos, representantes de técnicos e discentes. Para a advogada, esse tipo de ato tem que ser precedido de amplas discussões com a sociedade local, inclusive com a participação da Câmara de Vereadores, e com a comunidade acadêmica, o que, segundo ela, não aconteceu. O debate resultaria na indicação do curso mais apropriado para a cidade, levando em consideração a vocação minerária de Brumado.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário