Previdência: idades mínimas seriam 62 e 57 anos, diz Bolsonaro

04 Jan 2019 - 10:30h

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) afirmou, em entrevista ao SBT exibida nesta quinta-feira (03), que irá propor uma reforma da Previdência que estabeleça, até 2022, uma idade mínima de 62 anos para homens e 57 anos para mulheres. Bolsonaro disse que o cerne do problema da Previdência está no serviço público, mas não deixou claro se a nova regra valeria apenas para servidores. Atualmente, a idade mínima no serviço público é de 60 anos para homens e 55 para mulheres. De acordo com Bolsonaro, a ideia é aumentar a idade mínima em um ano depois da aprovação e outro em 2022. “Dar um corte até o final de 2022, esse que é uma ideia inicial. Seria aumentar para 62 os homens e 57 as mulheres. Não de uma vez só, um ano a partir da promulgação e outro ano a partir de 2022”. Segundo o presidente, a “boa reforma é a que passa”, em referência à aprovação do projeto no Congresso. A proposta apresentada pelo ex-presidente Michel Temer (MDB) era que, até 2042, a idade mínima chegasse em 65 anos para homens e 62 anos para as mulheres.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias