Prefeito de Brumado tem contas de 2018 aprovadas com ressalvas e é multado em R$ 4 mil

22 Nov 2019 - 08:00h

O prefeito de Brumado, engenheiro Eduardo Lima Vasconcelos (PSB), teve as contas relativas ao exercício financeiro de 2018 aprovadas com ressalvas pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), na quinta-feira (21). Segundo apurou o site Achei Sudoeste, o relator do parecer, conselheiro José Alfredo Rocha Dias, multou o gestor em R$ 4 mil. De acordo com o órgão, as contas apresentaram como ressalvas a omissão de documentos quanto à disponibilidade pública, tímida cobrança da dívida ativa e cancelamento de dívida sem a documentação probatória devida; ausência de notas explicativas; e irregularidades apontadas no acompanhamento da execução orçamentária. A prefeitura respeitou o limite máximo para despesa com pessoal, que representou 43,53% da receita corrente líquida, abaixo do limite máximo de 54%. Os índices constitucionais foram respeitados, representando em educação (29,37%), saúde (34,84%) e no pagamento dos profissionais do magistério com recursos do Fundeb (80,05%).

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias