Achei Sudoeste

04 Abr 2020 - 10:15h

O Governo do Estado da Bahia publicou, no Diário Oficial (DOE) deste sábado (4), decreto que prorroga a suspensão do transporte intermunicipal em cidades da Bahia até o dia 15 de abril. A medida, que tem como objetivo conter o avanço da contaminação por coronavírus na população baiana, estava programada até 5 de abril, mas foi estendida por mais 10 dias por determinação do governador Rui Costa (PT). Também foi prorrogado até 15 de abril, de acordo com a publicação de hoje, a circulação, a saída e a chegada de ônibus interestaduais, em todo território do Estado da Bahia. Na publicação, o governador restringiu o transporte intermunicipal em Brumado, Vitória da Conquista, Guanambi, Itapetinga, Jequié e mais 44 cidades. Ficam suspensas nesses municípios a circulação, a saída e a chegada de qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans. Em algumas cidades sem casos de coronavírus, o sistema de transporte intermunicipal foi suspenso porque está integrado ao de municípios com registros da doença.

04 Abr 2020 - 09:20h

A prefeitura de Brumado, através da secretaria de saúde, autuou, na última sexta-feira (03), mais um hotel por descumprir o decreto municipal que determina medidas de combate à pandemia da Covid-19, o novo coronavírus. O primeiro estabelecimento havia sido notificado na segunda-feira (30). Segundo apurou o site Achei Sudoeste, a Vigilância Sanitária (Visa) esteve no estabelecimento localizado no Bairro São Félix e comprovou as informações passadas ao “Disk Denúncia” do coronavírus na cidade. De acordo com a Visa, a empresa já havia sido notificada no último dia 30 de março. Ainda segundo a Visa, o alvará de funcionamento não pode ser cassado devido ao fato de ser do ano de 2016. A equipe sanitária ainda constatou que Taxa de Fiscalização do Funcionamento (TFF) estavam pagas até este ano. O hotel poderá perder a licença de funcionamento após a regularização.

04 Abr 2020 - 07:15h

Um homem de 33 anos foi alvejado com cinco tiros na noite da última sexta-feira (03), na cidade de Condeúba, a 107 km de Brumado, e deixado na porta do Hospital Municipal Dr. José Cardoso dos Apóstolos. De acordo com o Folha Regional de Condeúba, o tiroteio ocorreu no bairro do Divino. A vítima foi atingida com tiros de arma de fogo, na região do pescoço e diversas partes do corpo. Ele foi deixado na unidade de saúde por uma moto, até então desconhecida, e entrou no local consciente e andando. Ele encontra-se internado com dificuldade respiratória e aguardando transferência para um centro de saúde especializado. A Polícia Civil já instaurou um inquérito e investiga o caso.

04 Abr 2020 - 07:00h

Um grupo de pesquisas formado por diversos institutos e universidades estimou que, nos próximos 18 dias, o Brasil pode chegar a 60 mil casos de coronavírus, cerca de seis vezes mais do que registrou até agora (9.216 ocorrências). Este cenário, segundo o Núcleo de Operações e Inteligência em Saúde (Nois), é considerado o “pior caso”. Naquele classificado como “melhor caso”, o Brasil terá 25.164 casos de coronavírus no dia 20 de abril. De acordo com o jornal o Globo, o panorama considerado mais provável, porém, indica aproximadamente 41 mil ocorrências. Segundo os pesquisadores, as medidas de isolamento são essenciais para evitar que o Brasil siga o caminho trilhado pelos EUA, que contabilizou 277 mil casos de coronavírus até a noite desta sexta-feira (4) e que é atualmente o país com maior número de contágios. Até agora, porém, o cenário brasileiro não é tão catastrófico quanto o americano.

04 Abr 2020 - 06:55h

As secretarias estaduais de Saúde divulgaram, até as 20h50 desta sexta-feira (3), 9.216 casos confirmados do novo coronavírus (Sars-Cov-2) no Brasil, com 365 mortes pela Covid-19. Apenas três estados ainda não registraram mortes: Acre, Amapá e Tocantins. O último balanço do Ministério da Saúde, divulgado na tarde de sexta-feira (3), aponta 359 mortes e 9.056 casos confirmados de coronavírus no Brasil. O avanço da doença está acelerado: foram 25 dias desde o primeiro contágio confirmado até os primeiros 1.000 casos (de 26 de fevereiro a 21 de março). Outros 2.000 casos foram confirmados em apenas seis dias (de 21 a 27 de março) e quase 4.000 casos de 27 de março a 2 de abril, quando a contagem bateu os 8.000 infectados.

04 Abr 2020 - 06:50h

A Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães, que fica no oeste da Bahia, foi vítima de um ataque de hackers na última segunda-feira (30), dia do aniversário do município. Conforme o órgão, os suspeitos tentaram roubar mais de R$ 480 mil de contas bancárias. Segundo informações da prefeitura, algumas das suas contas correntes junto à Caixa Econômica Federal (CEF) foram vítimas de “ataque cibernético”. O secretário de Administração e Finanças foi chamado por um funcionário da Superintendência da CEF, localizada em Barreiras, quando ele desconfiou de diversas atividades suspeitas naquela data. De acordo com o órgão, o secretário da pasta, Apóstolo Ricardo Knupp, determinou o bloqueio de todas as senhas de acesso às contas, combatendo a ação criminosa. A prefeitura informou que, após a solicitação dos extratos de todas as contas do município, o secretário compareceu à Delegacia de Polícia Territorial de Luís Eduardo Magalhães, onde registrou em boletim de ocorrência a fraude identificada em quatro contas distintas, totalizando R$ 484.905,55. O caso também foi registrado na Delegacia de Polícia Federal em Barreiras. Os autores do crime não foram identificados.

04 Abr 2020 - 06:40h

Um ciclista idoso, identificado como José Monteiro, 82 anos, foi atropelado no início da noite da última sexta-feira (03), na BA-148, no trecho do município de Livramento de Nossa Senhora, a 68 km de Brumado. Monteiro foi atingido bruscamente por um veículo de passeio. O condutor do automóvel não prestou socorro a vítima e evadiu-se do local do acidente. José foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhado para a Unidade de Pronto Atendimento (Upa 24h), em Livramento de Nossa Senhora. Um boletim médico sobre o estado de saúde da vítima ainda não foi divulgado. A bicicleta ficou parcialmente destruída.

04 Abr 2020 - 06:15h

Foi confirmado o segundo caso de Covid-19 em Vitória da Conquista, a 132 km de Brumado, na sexta-feira (3), de acordo com boletim epidemiológico atualizado, que acaba de ser divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde. De acordo com a secretaria trata-se de um homem, de 42 anos, residente de Vitória da Conquista, sem histórico de viagem, que foi triada pelo atendimento do Call Center da Secretaria de Saúde, estava sob monitoramento da equipe de Vigilância Epidemiológica e em isolamento domiciliar desde o início dos sintomas, apresentando quadro gripal leve. A equipe do Lacen Municipal realizou a coleta do exame em sua residência no dia 26 de março de 2020 e encaminhou para o Lacen Estadual para a realização de análises. Neste momento, o paciente encontra-se assintomático e permanece em isolamento domiciliar, bem como todos os seus contatos familiares. O boletim também mostra que já foram notificados 213 casos com suspeita clínica e epidemiológica de infecção Coronavírus, dos quais: 87 foram descartados laboratorialmente e 5 por vínculo epidemiológico*, 81 aguardam resultado das amostras enviadas ao Lacen, em Salvador, e 38 aguardam coleta. Após a coleta, as amostras são enviadas ao Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), do Governo do Estado, em Salvador, que é responsável pela divulgação dos resultados dos exames do município, após a análise laboratorial das amostras enviadas para o diagnóstico de Covid-19.

04 Abr 2020 - 06:05h

A cidade de Itapetinga teve o primeiro caso do novo coronavírus confirmado nesta sexta-feira (3). Este é o primeiro caso registrado na região sudoeste da Bahia. O teste foi realizado no Laboratório Central (Lacen), após a vítima dar entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), na última quarta-feira (1), e falecer. Rafaela de Jesus Silva de 28 anos tinha quadro de insuficiência respiratória, fortes dores de cabeça e febre. De acordo com o Sudoeste Hoje, diante do quadro grave e do óbito repentino, a Secretaria Municipal de Saúde fez a coleta do material para teste de Covid-19 e encaminhou para o Lacen, que confirmou o diagnóstico de Coronavírus.

03 Abr 2020 - 17:25h

A cidade de Brumado chegou a 312 casos suspeitos notificados de Covid-19, o novo coronavírus. Os dados foram divulgados na tarde desta sexta-feira (03) pela secretaria municipal de saúde. De acordo com o boletim, cinco casos já foram confirmados na capital do minério, além de sete descartados e 14 aguardando resultado do Laboratório Central (Lacen) da capital baiana. A secretaria pede a participação popular para conter o avanço do vírus, adotando medidas de higiene e mantendo o isolamento domiciliar.

03 Abr 2020 - 17:15h

Com o objetivo de aumentar os estoques de sangue em suas unidades, o Hemoba lançou a campanha “Por amor à vida”. Para agendar o seu horário de doação na unidade de Brumado, ligue (77) 3441-1363. Outras informações podem ser obtidas pelo e-mail [email protected] e pelo site www.hemoba.ba.gov.br. A doação de sangue também salva vidas.

03 Abr 2020 - 17:00h

Em nota enviada ao site Achei Sudoeste, a Prefeitura Municipal de Brumado, por meio da Secretaria de Saúde e do Comitê de Gerenciamento de Crise da Covid-19, repudiou as inúmeras postagens relativas à médica que atende na Unidade Básica (UBS) do Caic. “A divulgação de fotos e informações totalmente equivocadas não contribuem em nada para a melhoria do momento delicado que estamos passamos, muito pelo contrário, trazem prejuízos e também atingem à família da profissional que tanto vem contribuindo para que tenhamos uma saúde de qualidade em nosso município. Diante disso, queremos reiterar a reprovação dessas atitudes, que aproveitam o anonimato e o universo das redes sociais para expor pessoas a situações de risco, já que não se pode prever o que pode acontecer nesse momento de tensão”, declarou. A Sesau pediu que a população não cometa esse tipo de atitude e que, ao invés disso, façam parte da rede de solidariedade e apoio aos mais vulneráveis e aos que se encontram nos grupos de risco. “Que a humanização seja a referência e que todos se mantenham em suas residências evitando ao máximo a proliferação do coronavírus”, reiterou.

03 Abr 2020 - 16:00h

Em decreto publicado no Diário Oficial, a Prefeitura Municipal de Anagé, 85 km de Brumado, declarou situação de calamidade pública por conta da pandemia do coronavírus. Também foi publicado o Decreto n° 18/2020, que trata do funcionamento, fiscalização, monitoramento e suspensão de atividades comerciais e trânsito de pessoas em Anagé. De acordo com a medida, diversas atividades e serviços foram suspensos, entre os quais: atendimento presencial em estabelecimentos comerciais entre 1º e 30 de abril, atividades de bares e restaurantes (delivery liberado), toda e qualquer forma de encontro religioso presencial, academias, salões de beleza, centros de convivência, creches públicas, atividades esportivas coletivas, eventos públicos de qualquer natureza e vendedores ambulantes com venda de “porta em porta”. As barreiras sanitárias nas vias de acesso ao município funcionarão 24h por dia e a entrada e circulação de veículos de outros municípios estão proibidos. Supermercados, mercados, açougues, peixarias, quitandas, lojas de venda de alimentação para animais, distribuidores de gás, lojas de venda de água mineral e padarias poderão funcionar com expediente entre as 7h e 15h. Os postos de combustíveis e farmácias não terão limitação de horário. As feiras livres somente poderão funcionar no sábado e com produtores da agricultura familiar do município. Também foi restabelecido o toque de recolher de 20h às 6h. Anagé possui 238 casos investigados; 24 notificados; 01 aguardando resultado; 01 descartado e nenhum confirmado.

03 Abr 2020 - 15:30h

As secretarias estaduais de Saúde divulgaram, até as 13h desta sexta-feira (3), 8.229 casos confirmados do novo coronavírus (Sars-Cov-2) no Brasil, com 343 mortes pela Covid-19. O último balanço do Ministério da Saúde, divulgado na tarde de quinta-feira (2), apontava 299 mortes e 7.910 casos confirmados de coronavírus no Brasil. De acordo com o G1, o avanço da doença está acelerado: foram 25 dias desde o primeiro contágio confirmado até os primeiros 1.000 casos (de 26 de fevereiro a 21 de março). Outros 2.000 casos foram confirmados em apenas seis dias (de 21 a 27 de março) e quase 4.000 casos de 27 de março a 2 de abril, quando a contagem bateu os 8.000 infectados.

03 Abr 2020 - 15:00h

Em campanha lançada nas redes sociais, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Brumado e o Sistema de Proteção ao Crédito (SPC) pedem à população para valorizarem o comércio da região. A campanha visa incentivar os comerciantes locais e regionais nesse momento de crise em decorrência do coronavírus. “Nossa cidade e o mundo estão passando por tempos difíceis. Contudo, é justamente em épocas de crise que mostramos a nossa força. Valorize o comércio da nossa região. Lembre-se sempre das pessoas que estão ao seu lado. Escolha as lojas, padarias, academias e demais estabelecimentos da nossa cidade. Se tiver em dificuldades, negocie o pagamento, conversando a gente se entende. O nosso comércio precisa de você”, afirmou.

03 Abr 2020 - 14:30h

Menos de duas horas após divulgar a quarta morte por coronavírus, a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) confirmou a quinta morte no estado em decorrência da doença. Em nota, a Sesab informou que a paciente era uma mulher de 41 anos, hipertensa, asmática e obesa, que estava internada em um hospital público de Salvador, desde 24 de março. As cinco mortes de pacientes com coronavírus confirmadas pela Sesab ocorreram na capital baiana. Conforme o último boletim divulgado pela Sesab, no início da tarde desta sexta-feira, a Bahia tem 282 casos confirmados do novo coronavírus. Segundo a Sesab, não houve registro de casos positivos em novos municípios. Até o momento, 1.763 casos foram descartados. Este número contabiliza todos os registros de janeiro até as 12 horas desta sexta. Ao todo, 63 pessoas estão curadas e 35 encontram-se internadas, sendo 17 em UTIs.

03 Abr 2020 - 14:00h

Em decreto publicado na última quinta-feira (02), a Prefeitura Municipal de Livramento de Nossa Senhora, a 68 km de Brumado, declarou situação de calamidade pública em razão de pandemia causada pelo novo coronavírus. Segundo a administração municipal, em decorrência das ações emergenciais necessárias para conter a pandemia, as finanças públicas e as metas fiscais estabelecidas para o presente exercício poderão ser gravemente comprometidas no município, assim como as metas de arrecadação de tributos. O decreto considera ainda a necessidade de adotar medidas orçamentárias imprevistas para o enfrentamento da pandemia, considerando os impactos na economia local. A declaração vale até o até 31 de dezembro de 2020.

03 Abr 2020 - 12:00h

Por volta de 23 desta quinta-feira (02), a Polícia Militar, em apoio à Vigilância Epidemiológica de Caetité, a 100 km de Brumado, interceptou um veículo de transporte de passageiros que vinha do Estado de São Paulo em direção ao município de Livramento de Nossa Senhora com 17 passageiros. Após triagem realizada pela equipe da vigilância, o veículo foi escoltado até o seu destino para o desembarque dos passageiros e, em seguida, apreendido e apresentado a Agerba para adoção das medidas legais.

03 Abr 2020 - 11:30h

O Ministério da Economia divulgou dados preliminares sobre os impactos do coronavírus (Covid-19) para as contas públicas, em coletiva de imprensa realizada na noite desta quinta-feira, 2. O secretário de Fazenda, Waldery Rodrigues, avalia que os impactos no déficit primário, quando não se consideram juros, chegará a 419 bilhões de reais ao final do ano. Segundo o governo, o impacto das medidas de estímulo à economia e de combate à doença somam 224 bilhões de reais. A meta estipulada antes da Covid-19 atingir em cheio a economia do país era de 124 bilhões de reais e o otimismo do secretário impressionava. Em entrevista ao jornal Valor Econômico em novembro, Rodrigues projetava um déficit “bem menor”, graças à redução dos juros e estimativa de receitas mais gordas, além da expectativa pela aprovação das reformas e atração de investidores. Os valores projetados pelo secretário somam o maior rombo já registrado na história. De acordo com ele, os números ainda poderão ser revisados, com novos possíveis (e prováveis) gastos do governo para conter a pandemia e manter empregos e renda. De acordo com a Veja, o auxílio de 600 reais, ainda não sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro, a informais custará 98 bilhões de reais às contas públicas, segundo estimativas da Secretaria de Fazenda. Já o programa, estipulado por medida provisória, que prevê a redução de salários e de jornada dos trabalhadores da iniciativa privada custará 51,2 bilhões de reais, visto que o governo arcará com até 70% dos vencimentos para que as empresas não demitam. Já o programa de crédito para estados e municípios tem impacto previsto de 34 bilhões de reais, enquanto a recomposição dos fundos estaduais e municipais, para auxiliar nos sistemas de saúde — demanda dos governadores — custará 16 bilhões de reais. Segundo os dados detalhados do Ministério da Economia, as contas do Governo Federal terão impacto de 2,2 bilhões com a suspensão de impostos sobre equipamentos médico-hospitalares e 7,1 bilhões de reais ao abrir mão da cobrança do Imposto sobre Operações Financeiras, o IOF, para que a população e empresas obtenham crédito.

03 Abr 2020 - 11:00h

Em entrevista ao site Achei Sudoeste, Kléber Lima Dias, presidente da 21ª Subseção da OAB, em Brumado, falou sobre as medidas tomadas pela instituição frente à pandemia do coronavírus. Segundo ele, em primeiro lugar, a OAB apoia o isolamento social voluntário e a implementação do teletrabalho para os seus colaboradores a fim de conter a proliferação do vírus. Para o advogado, essa é a principal e mais eficaz medida para combater a gravidade da situação. “Temos evitado contato e recomendado o isolamento social voluntário como forma de prevenção do coronavírus. Nossa sede está fechada e a gente tem divulgado todas as informações que o advogado possa precisar pelo próprio site da OAB”, destacou. O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) suspendeu todos os prazos judiciais até o dia 30 de abril. As questões de urgência, no entanto, segundo Dias, continuam sendo apreciadas pelos tribunais e os advogados têm um papel crucial em levar essas demandas dos cidadãos para julgamento. “A recomendação ao advogado é que tente fazer tudo por home office e teletrabalho. Só que, em determinadas situações, ele vai precisar do contato com o cliente, porém a gente tem limitado para evitar o contágio”, salientou. O presidente afirmou ainda que, especialmente para os advogados que trabalham com representação, está sendo muito difícil, tendo em vista que as audiências estão suspensas. “A situação é grave pra todo mundo, mas temos que pensar em salvar vidas em primeiro lugar”, finalizou.